Está vendo todos esses idiomas acima? Nós traduzimos os artigos do Global Voices para tornar a mídia cidadã acessível para várias partes do mundo.

Saiba mais sobre Tradução do projeto Língua  »

Redes de TV sul-coreanas evitam atriz politicamente ativa

Uma das atrizes mais francas da Coréia do Sul afirmou que duas redes de TV cancelaram suas aparições televisivas depois que um candidato que ela apoiou abertamente perdeu as recentes eleições presidenciais [en].

Kim Yeo-jin [en], atriz famosa conhecida por seus pontos de vista progressistas e ativa participação política, divulgou [ko] via Twitter @yohjini, em 3 de janeiro de 2013, que duas redes de TV que haviam agendado sua presença em shows cancelaram inesperadamente as aparições televisivas por causa de sua orientação política. Ela participa regularmente de protestos e recentemente apoiou Moon Jae-in [en], candidato de tendências esquerdistas que perdeu as eleições.

각 방송사 윗분들, 문재인캠프에 연관있었던 사람들 출연금지 방침같은 건 좀 제대로 공유를 하시던가요. 작가나 피디는 섭외를 하고 하겠다고 대답하고 나서 다시 “죄송합니다 안된대요” [...]

A todos os chefes de estações de radiodifusão. Vocês deveriam avisar aos seus funcionários das regras internas para evitar que os apoiadores da campanha de Moon apareçam na TV. Um produtor e redator do show já tinha me agendado, mas me contataram depois para dizer “Sinto muito. Não vai acontecer”

O tuíte desde então foi retuitado 1.500 vezes, acendendo fortes críticas públicas contra as emissoras. Para muitos observadores, o incidente confirma, mais uma vez, o segredo em aberto de que as orientações internas das estações de TV existem para filtrar as minorias políticas e os críticos de políticos poderosos.

Sobre algumas dúvidas levantas de que suas aparições na TV foram canceladas apenas por coincidência, Kim esclareceu [ko]:

[...] 굳이 그렇게 꼭 집어 말씀하시던데요. 그 전에도 여러번 당했던일이지만 꼭 집어 그렇게 듣는 건 처음이었어요. “문재인캠프 연관된분이라 안괸다고 하네요. 죄송합니다.”라고 들었습니다.

Eles deixaram isso muito claro. Já fui tratada assim várias vezes antes, mas foi a primeira vez em que se especificou o motivo. Eles me disseram “uma vez que você está ligada à campanha de Moon, você não pode (participar do show). Sinto muito”.

Kim acrescentou amargamente [ko] ‘Eu já esperava por isso'.

Kim Yeo-jin at the ThinkCafe Conference

Kim Yeo-jin no ThinkCafe Conference, Imagem divulgada pelo usuário do Flickr ThinkCafe (CC BY-NC-SA 2.0)

A fúria dos usuários da net se iniciou. @shsh7600 comentou furiosamente [ko]:

[...] 이것이 사실이라면 엄연한 인권탄압이며 일종의 정치보복이다. 특히 이런 야만적인 짓은 국민적 저항은 물론 훗날 반드시 그 댓가를 치러야 할것음을 알아야한다

Se isso é verdade, é uma clara violação dos direitos humanos e uma espécie de retaliação política. Este tipo de ato bárbaro deveria gerar uma oposição pública e [os responsáveis] terão que pagar pelas consequências.

MichaelPeach, usuário do Daum, lamentou [ko]:

현재 우리나라 방송국이 정치적 편향성에 대해 자체적으로 ‘정화'할 수 있는 능력도, 자격도, 힘도 없다고 봅니다. 저는 김여진 씨의 방송취소 기사를 보고 어쩌면 5년 전, 현 정부가 들어서면 있었던 기피 연예인들의 방송 하차가 생각났습니다. 그때부터 우리나라는 심하게 분열되기 시작한 것이죠. 정부의 비판하는 배우, 바른 말하는 방송인 그들은 모두 좌파 빨갱이라는 오명을 얻게 되었고 방송을 떠나 있어야 했습니다.

As estações de radiodifusão do país não têm qualquer capacidade, quaisquer direitos ou qualquer poder de curar-se da imparcialidade política. Quando eu ouvi as notícias dos cancelamentos das aparições de Kim Yeo-Jin na TV, lembrei-me de repente do desaparecimento repentino de alguns artistas dos programas de televisão, logo após o início da atual administração. Começamos a ver uma divisão política daquele ponto em diante. Atores criticando o governo, as emissoras de TV dizendo justamente aquilo em que acreditam – todos eles foram forçados a deixar a TV depois de serem rotulados de “comunistas de esquerda pró-norte-coreanos”.

Os opositores deste ponto de vista, como @pyein2, argumentam [ko] que as aparições canceladas podem ter sido simplesmente o resultado do fracasso de Kim em gerar filmes de sucesso, e de suas tentativas de construir uma reputação através de atividades políticas ao invés da sua atuação. Entretanto, um blogueiro do Tistory salientou [ko] que isso é não é desculpa:

자신이 애국보수라고 주장하는, 대한민국의 자칭 보수는 이 상황이 당연하단다. 왜? 나랑 다른편에 섯다고. 그래서 그냥 나와 다른편이기 때문에 밥줄이 끊기는건 당연하다고 이야기 한다. 왜 이게 당연한건가? [...] 나는 우리집에서 내는 TV수신료 내고 싶지 않다.

As pessoas que afirmam ser “patriotas conservadoras” ou “os (verdadeiros) conservadores”, disseram que é assim mesmo. Como assim? Só porque alguém escolhe posições diferentes, só porque ele está do lado oposto, pode justificar uma situação onde seus meios de subsistência são ameaçados? Como é que isso é justificável? [...] Definitivamente não quero mais pagar nenhuma taxa de transmissão televisiva.

Um jornal local acredita que [ko], embora não haja nenhuma lista negra por escrito, os executivos de TV podem sugerir aos  produtores em questão que é melhor não empregar nos shows atores controversos ou que falem abertamente das suas visões políticas.