Está vendo todos esses idiomas acima? Nós traduzimos os artigos do Global Voices para tornar a mídia cidadã acessível para várias partes do mundo.

Saiba mais sobre Tradução do projeto Língua  »

Timor-Leste: Maratonista Conquista Corações em Londres

O jovem maratonista Augusto Soares, 25, conquistou os corações do público da maratona Olímpica com sua perseverança e bom humor. Ele competiu em Pequim há quatro anos, mas não terminou a maratona, portanto dessa vez seu objetivo era chegar até o final.

Na maior parte da competição ele se manteve entre as últimas posições; houve a sensação de que seu sorriso ao correr tornou-se um dos momentos finais das Olimpíadas de Londres 2012. (Ele terminou na penúltima posição com o tempo de 2:45:09.)

Augusto Soares do Timor-Leste acena para o público entusiasmado que lotou as ruas de Londres e de Barbican. Foto de Richard Soans, direitos autorais por Demotix (12/08/2012)

Annie Martin tuitou

The Olympic Marathon is brilliant, am waving my flags outside Monument. Love the straggler from Timor Leste beaming from ear to ear!

A maratona olímpica é brilhante, estou acenando minhas bandeiras para fora do monumento. Amei o retardatário do Timor-Leste sorrindo de orelha a orelha!

Chris Spillane tuitou

My favourite Olympian. Soares of East Timor in last place in the Men's Marathon. True Olympic spirit http://yfrog.com/obrxpmjj

Meu competidor olímpico favorito. Soares, do Timor-Leste, em último lugar na maratona masculina. O verdadeiro espírito olímpico. http://yfrog.com/obrxpmjj

O usuário do Youtube Marwat86 capturou a torcida por Soares enquanto fazia sua última volta.

As NU entrevistou Soares e sua colega de competição Juventina Napoleao, que começaram a treinar apenas dois meses antes das Olimpíadas.

Soares foi entrevistado pelo blogueiro Celso Oliveira. Ele disse que uma de suas maiores motivações foi

liu husi partisipasaun Timor nian bele mos fo’o hanoin hikas fali ba maluk Timor oan sira nebe namkari lemo lemo iha ema rain katak Timor liberdade ona no moris iha dame nia laran.

através da participação do Timor lembrar às pessoas pelo mundo todo de que o Timor é livre e vive em paz

Soares disse que adoraria ser um exemplo para jovens e para o desenvolvimento da prática esportiva em sua jovem nação.

Maibe, hau labele halo buat ida se wainhira hau mesak, tamba bat hotu fila fali ba ema bo’ot sira. Hau bele dehan hau hari'i klubu ida atleta barak, maibe eventu la iha sa ida mak akontese, atleta sira treino ka sira ba fali sira nia fatin. Ne’e ita atu dezenvolve desporto?

Mas eu não posso fazer nada se estiver sozinho, porque tudo depende de nossos líderes. Posso dizer que criarei um clube com muitos atletas, mas se nenhum evento acontecer, os atletas irão treinar e ir para a casa. Isto desenvolverá  o esporte?

Soares conta como foi recrutado pessoalmente pela timorense olímpica  Aguida Amaral quando era um estudante em Balibar, um vilarejo montanhoso sob a capital.

Diak. Hau konhese desportu halai ne'e primeiro liu husi mana ida naran Aguida Fatima Amaral. Iha momentu ne’e, hau sei eskola iha foho i sei hela ho pai i mae. Depois loron ida mana ne’e to’o ba iha ami nia eskola atu registu ema atu tama iha mana nia klubu naran SLB. [...] Hafoin ami treino iha neba mana ne’e hare ami nebe mak halai diak oitoan entaun foti ami tun mai hela no treino iha dili.

Bom, eu descobri a corrida por uma mulher chamada Aguida Fatima Amaral. Naquele tempo eu ainda estava na escola nas montanhas e ainda vivia com meu pai e minha mãe. Um dia, a Aguida veio em nossa escola para registrar pessoas para seu clube chamado SLB. [...] Pelos nosso treinos lá, Aguida pensou que podíamos correr muito rápido e nos trouxe para Dili para treinar.