Fechar

Faça uma doação para manter o Global Voices no ar!

Cobrimos 167 países. Traduzimos em 35 idiomas. Somos o Global Voices.

Somos mais de 800 colaboradores trabalhando juntos em todo o mundo para oferecer aos nossos leitores notícias que são difíceis de encontrar em veículos tradicionais. Não podemos, porém, fazer tudo isso sozinhos. Embora a maioria de nós seja voluntária, ainda precisamos de sua ajuda para apoiar os nossos editores, tecnologias, projetos de extensão e defesa de direitos online, além dos eventos de nossa comunidade.

Doe agora »
GlobalVoices em Leia mais »

Os Veículos de Três Rodas do Sudeste Asiático

Tuktuk, Beca, Kuliglig, Trishaw [en], Pedicab, Becak, Triciclo. Esses são os famosos veículos de três rodas comuns na região do Sudeste Asiático. Eles podem ser vistos nas ruas de centros urbanos, mas os governos estão empenhados em banir esses pedicabs ["bicitáxis"] onipresentes e riquixás motorizados nas vias principais.

Tuktuk adaptado com uma rede anti-furto de carteiras em Phnom Penh, Camboja. Foto de Casey Nelson

Tuktuk adaptado com uma rede anti-furto de carteiras em Phnom Penh, Camboja. Foto de Casey Nelson

Uma vaca num Tuktuk em Kampot, Camdoja. Foto de Tales from an Expat

Uma vaca num Tuktuk em Kampot, Camdoja. Foto de Tales from an Expat

Cobertura protetora para chuva em tuktuk. Foto da página do Flickr de anuradhac, usada com licença CC

Cobertura protetora para chuva em tuktuk. Foto da página do Flickr de anuradhac, usada com licença CC

Tuktuk na Tailândia. Foto da página do Flickr de Blue Funnies, usada sob licença CC

Tuktuk na Tailândia. Foto da página do Flickr de Blue Funnies, usada sob licença CC

Tuktuk no Laos. Foto do Flickr de Luluk, usada sob licença CC

Tuktuk no Laos. Foto do Flickr de Luluk, usada sob licença CC

Kuliglig, um bicitáxi motorizado, em Manila, Filipinas. Foto do Flickr de gino.mempin, usada sob licença CC

Kuliglig, um bicitáxi motorizado, em Manila, Filipinas. Foto do Flickr de gino.mempin, usada sob licença CC

Governo da cidade de Manila quer os Kuligligs fora das ruas. Foto do Flickr de Siopao Master, usada sob licença CC

Governo da cidade de Manila quer os Kuligligs fora das ruas. Foto do Flickr de Siopao Master, usada sob licença CC

Triciclo em Dumaguete, Filipinas. Foto do autor

Triciclo em Dumaguete, Filipinas. Foto do autor

Bicitáxi adaptado para o terreno íngreme de Pagadian, Filipinas. Foto do author

Bicitáxi adaptado para o terreno íngreme de Pagadian, Filipinas. Foto do author

Os E-Tuktuks, cujas partes foram produzidas na Tailândia, em breve vão chegar à Europa. Enquanto isso, os E-Trikes foram lançados [en] ano passado nas Filipinas. Eles usam batérias de íon lítio, comuns para laptops e telefones móveis. Abaixo encontramos um E-trike na Cidade de Davao [en], ao sul das Filipinas, que está sendo estimulado para reduzir o uso de combustíveis fósseis:

Foto por Karlos Manlupig

Foto por Karlos Manlupig

Jan Shim dirigiu uma Beca ou riquixá quando passeou por Penang, na Malásia:

THERE are many ways to see Penang, and one of the more interesting manners would be on a trishaw. Also known locally as the beca or rickshaw, it is a quaint mode of transport that ferries passengers through the streets of Penang at a leisurely pace. In Malaysia, pedestrian-pulled rickshaws were gradually replaced by cycle rickshaws (beca in Malay). Cycle rickshaws were ubiquitous up to the 1970s in cities. Since then, rapid urbanization has increased demand for more efficient public transport, resulting in dwindling cycle rickshaw numbers. Today, cycle rickshaws are operated mostly as a tourist attraction, with small numbers operating in Malacca, Penang, Kelantan and Terengganu.

Existem muitas formas de ver Penang, e uma das mais interessantes é no “trixá” [riquixá de três rodas]. Também conhecida localmente como beca ou riquixá, é um modo singular de transporte que conduz passageiros pelas ruas de Penang em ritmo prazeroso. Na Malásia, riquixás puxados por pessoas foram gradualmente substituídos por riquixás de rodas (beca, em malaio). Riquixás de rodas eram onipresentes até 1970 nas cidades. Desde então, a rápida urbanização aumentou demanda por transporte público mais eficiente, resultando na queda do número de riquixás. Hoje, riquixás de rodas são guiados principalmente como atração turística, com um pequeno número em operação em Malacca, Penang, Kelantan e Terengganu.
Becak na Indonésia. Foto do Flickr de Original Nomad, usada sob licença CC

Becak na Indonésia. Foto do Flickr de Original Nomad, usada sob licença CC

M-Explorer [en] escreve sobre Pedicab Siantar, uma antiga motocicleta da cidade de Siantar, na Indonésia. Edwin [en] descreve o desenho único do bicitáxi na Indonésia. Enchanting Eden [en] nota que Becaks estão sendo substituídos por veículos modernos:

Becaks are fast becoming a rare breed, as City Governments across the Archipelago ban them for their antiquated and inhumane nature, replacing them with motorized versions trikes similar to Thailand’s tuk -tuks. It’s ironic to think that while this is happening in Indonesia, the rest of the world, especially in the progressive countries who are pursuing anything labelled “green alternative everything” are re-introducing pedicabs in one form or another.

Becaks se tornam uma produção rara em passos largos, na medida em que os governos municipais do arquipélago os banem por sua natureza antiquada e desumana, substituindo-os por versões motorizadas semelhantes aos tuk-tuks da Tailândia. É irônico pensar que enquanto isso acontece na Indonésia, o resto do mundo, especialmente nos países industrializados, está à procura de “qualquer coisa identificada na alternativa verde”, reintroduzidos bicitáxis de diferentes formas.

Regiões do mundo

Países

Línguas