[É] um retrocesso colonial racista e sexista, que remete a uma longa história de sexualização, mercantilização e coisificação do corpo da mulher de negra.

Code Red está tentando despertar consciência [en] para os perigos da publicidade sexista.