A agência de notícias Servindi [es] publicou o Boletim N°3/2012 [es] da Organização Nacional Indígena da Colômbia (ONIC) [es], no qual se informa que a organização irá recorrer à Corte Penal Internacional para denunciar que inúmeras pessoas indígenas – inclusive crianças – estão a morrer, vítimas de desnutrição e de minas antipessoais provenientes do conflito armado nos seus territórios.


O relatório também ressalta que, durante os primeiros noves meses deste ano, 78 indígenas foram mortos, enquanto outros 47 receberam ameaças de morte e mais de 11 mil foram deslocados.