Seguindo o golpe militar na Guiné-Bissau, no último 12 de abril, o professor de política exterior angolano, Belarmino Van-Dúnem, escreveu uma análise sobre os papeis das Forças Armadas e da comunidade internacional. Conversações da ECOWAS (Comunidade Econômica dos Estados da África Ocidental) para a restauração da ordem constitucional durante o final de semana resultaram na decisão de impor sanções à junta militar. O ex-Primeiro Ministro, Gomes Junior, e o ex-Presidente interino, Raimundo Pereira, foram libertados em 27 de abril.