Está vendo todos esses idiomas acima? Nós traduzimos os artigos do Global Voices para tornar a mídia cidadã acessível para várias partes do mundo.

Saiba mais sobre Tradução do projeto Língua  »

Palestina: Gaza Sob Ataque – Novamente

Ao longo da noite de 9 de março e pela manhã do dia 10, aviões de guerra israelenses atacaram alvos [en] em toda a Faixa de Gaza, resultando em, pelo menos, 12 mortes e 20 pessoas feridas.

Na tarde de 9 de março, Zuheir al-Qaysi, secretário geral dos Comitês de Resistência Popular (PRC), foi assassinado durante um ataque israelense à Cidade de Gaza, juntamente com seu assistente Abu Ahmad Hanani. Hanani era originalmente de Nablus e foi deportado para Gaza como um dos prisioneiros libertados  em uma troca de prisioneiros [en] alguns meses atrás.

Em retaliação, grupos de resistência palestinos na Faixa de Gaza dispararam mísseis sobre Israel, sem deixar feridos. Israel revidou com severos ataques aéreos que abalaram Gaza e deixaram um total de 12 mártires, identificados pela agência de notícias Ma'an News Agency [en] como Muhammad al-Ghamry, Fayiq Saad, Muatasim Hajjaj, Ubeid Gharabli, Muhammad Hararah, Hazim Qureiqi, Shadi Sayqali, Zuheir al-Qaysi, Mahmoud Hanani, Muhammad Maghari, Mahmoud Najim e Ahmad Hajjaj. Alguns repórteres estão dizendo [en] agora que 15 pessoas morreram.

Bombardeamento da Cidade de Gaza por jatos israelenses. Imagem do usuário do Twitter @journeytogaza.

Os internautas de Gaza responderam aos ataques no Twitter:

@MaathMusleh: 15 were murdered in Gaza till now, No WORRIES they're just Palestinians!! #GazaUnderAttack

@MaathMusleh: 15 pessoas foram assinadas em Gaza até agora, Não se PREOCUPEM, são só palestinos!! #GazaSobAtaque

@ectomorfo: Pray for the people of Gaza. No lights, little medicine, no gas. And now they're being bombarded from all sides by #Israel. #GazaUnderAttack

@ectomorfo: Rezem pelas pessoas de Gaza. Sem luz, com poucos medicamentos, sem combustível. E agora eles estão sendo bombardeados de todos os lados por #Israel. #GazaSobAtaque

@Omar_Gaza: 18 minutes with no explosions! Cautious silence? is it over? or should I keep holding my breath? #GazaMassacre #GazaUnderAttack

@Omar_Gaza: 18 minutos sem nenhuma explosão! Um silêncio cuidadoso? Acabou? Ou eu deveria continuar prendendo a respiração? #MassacredeGaza #GazaSobAtaque

@najlashawa: i dont know how i am still typing that was LOUD! #GAzaUnderAttack

@najlashawa: Eu não sei como ainda estou digitando, isso foi tão ALTO! #GazaSobAtaque

@imNadZ: Welcome to #Gaza. Where sunshine is explosions. Where birds are F16s.

@imNadZ: Bem-vindo a Gaza. Onde o brilho do sol são explosões. Onde os pássaros são F16.

Este ataque acontece em um momento de mudanças na região e nas alianças políticas. Na semana passada, tendo em vista a crescente possibilidade de uma guerra americano-israelense contra o Irã, dois altos oficiais do Hamas anunciaram [en] que o Hamas não se envolveria apoiando o Irã, no caso de um ataque israelense. O Hamas também declarou apoio [en] ao povo sírio em sua luta contra Assad.

  • andre Goleba

    Lamento apenas que um pequeno grupo de palestinos, lançam mais de 200 foguetes contra Israel apenas para atrapalhar o feriado de Purim. Acho mais engraçado imaginar que após o lançamento de tantos mísseis, acreditar que Israel, um pais preparado para guerra, não irá fazer nada!! Afinal os lideres palestinos são políticos amadores ou realmente acreditam que podem ganhar votos matndo seu próprio povo.

    É bom lembrar que os palestinos estão matando e expulsando os cristãos de todos os lugares que são maioria ou detém o poder.

  • Andrade

    Milhões, eu disse milhões de cristão foram mortos no oriente Médio, só no seculo XX!
    Os Judeus só querem o direito de existir, mais nada! A questão é que a Mídia perversa, deturpa informações e coloca Israel como vilão, enganando assim, incautos e/ou ignorantes, infelizmente! O sofisma sínico, desse que se chamam Islâmicos, é sem precedentes… Cometem genocídio, estupros, Violam os mais básicos direitos Humanos e ainda querem se fazer de vitimas! Eu vou ficar por aqui…